sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Reveillon em Alto Estilo


Tesudíssim@s Leitor@s,

A virada é momento de esperança, tempo de dar uma guinada na vida e reconstruir tudo para ter muito mais prazer e satisfação.
E é tudo isso que desejo a vocês nesse novo ano que se inicia, que se resume numa só palavra TESÃO.
  MUITO TESÃAAAOO EM 2011!!!!
Tesão em todos os segmentos de suas vidas. Curtam mesmo cada momento, cada segundo de 2011 como se fosse o único segundo.



E nesta virada, lembrem de dar uma turbinada nesse tesão, que isso dá muita sorte! Ai vai a minha dica: virem-se para lá, virem-se para cá, em todas as posições mais inusitadas possíveis...
Permitam-se algumas loucuras nunca antes feitas,soltem-se e curtam mesmo! Depois me mandem um e-mail contando para compartilharmos esse seu plus de tesão com todos os leitores da Domadora de Corno.



E 2011 promete muito: estaremos aqui neste mesmo bat-endereço eletrônico e aguardo vocês sempre aqui para falarmos sobre o que mais gostamos e nos deliciamos: SEXO!
Teremos aqui um 2011 repleto de dicas para você aumentar cada vez mais o seu tesão!
Aguardo vocês.




E ai vai  nesta virada para vocês um beijo meu, todo molhado de champagne, misturado com nectar delicioso da minha buceta no cio.
Fuiii (mas volto com a corda toda, me aguardem)




quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Cartinha ao CORNO-NOEL


Meu querido Corno-Noel,

Este ano fui uma mulher de corno muito boazinha. 
Lustrei muito bem os teus chifres todos os dias. Não assuste com minha estatística, pois é claro que teve alguns desses 365 dias que você não ficou sabendo, mas anotei as escondidas e rapidinhas também!
Eu sei que muitas dessas vezes eu tomei banho antes de voltar para casa, mas isso não é motivo para você ficar bravo comigo, afinal, perdi as contas das vezes em que cheguei toda esporradinha e deixei você me lamber todinha.
E até um chicotinho novo comprei neste ano, só para andar montada de cavalinho em você, sem calcinha, e fazer você me levar para todos os lados da casa por onde eu quisesse ir. Diz que não gostou das chicotadas, diz?
Fiz de você um excelente motorista este ano, usei e abusei dos teus serviços todas as vezes em que eu precisei de carona para ir no motel com meus machos. E não esqueça que te tratei muito bem, e até chapéu de motorista eu te coloquei!
Sei que você não me perdoa porque te mandei ficar dentro do carro na garagem do motel enquanto eu me deliciava com aqueles dois negros bem altos! Agora confessa: você bem que morreu de tesão ao ouvir os meus gritos de tesão, não? Ta vendo? Valeu à pena me esperar no carro, não?
E aquela vez nas dunas... lembra? Aquele surfista fortão, me levou às alturas e até perdi meu biquinhi fio-dental e tive que voltar nua para casa. Nua não, quase-nua, como bom corno que você é, me emprestou sua camisa e enrolei na cintura. Coitados daqueles rapazes que me viram passar até chegarmos no nosso carro... humm! Por bem pouco não teve segundo round.
Ahh falando em calcinha... lembra daquela noite no restaurante em que tirei a calcinha e quase matei o garçom? Coitado dele, deu dó... ele tropeçou foi com bandeja garrafas, pratos e tudo pro chão, kkkkkkk.

Pois então... por essas e por outras é que mereço um presentão de Natal. O maior e melhor de todos que você ja me deu até hoje. 
Aproveita que você está viajando neste Natal e capricha nas compras de meus presentes, ta?!
E falando em viagem... poxa, fiquei em casa sozinha, abandonada, sem meu corno e ardendo de tesão. 
Quero um Comedor-Noel igualzinho a este de presente para mim. Te vira e encontre. Quero agora.Corno que é corno, realiza as ordens de sua dona a qualquer hora em qualquer lugar. Está esperando o que com essa demora ao ler minha carta???!! ARRUMA JÁ o meu Comedor-Noel pra me fazer companhia neste Natal! (E desta vez você não vai ver, nem ouvir, nem me pegar depois... esse Comedor-Noel é só para mim!)
Eu te mando por sedex a camisinha dele, ta? Afinal, corno que é bom corno precisa sempre de um creminho deixar os chifres lustrados e brilhando! E não é porque você está viajando que vai ficar sem, não?!
Beijo nessa tua galhada sempre bem lustrada, 
da tua sempre DOMADORA DE CORNO.


Natal Sexual

A Domadora de Corno deseja a todos vocês um Natal...
bem quente, criativo
picante
ardente!...
... e um pouquinho mais (veja minhas dicas abaixo)


Neste Natal deixe sua fantasia à solta...







Se você pode duas....










Ai vão algumas dicas para você, corno, presentear sua mulher:



Vista ela assim...



ou assim.
Com esse belo kit de Natal.










Ou então... Que tal mandar essa galera de
comedores-noéis para animar a festa do Natal?










Mas se você preferir um Natal mais íntimo, a boa dica é pendurar na árvore dela esse lindo 
modelo de enfeite vivo. 
Já vem com chapéu de Papai-Noel.
<< Só >> com chapéuzinho.





Mas se você for um corno solteiro e sem mulher, não vai ficar de mão abanando neste Natal. Não deixo!





Passe seu endereço que lhe mando uma caixa de presentes como esta, com mil e uma utilidades para sua diversão.










Ou se preferir... Eu me embrulho e me dou pra você de presente assim.

Basta você puxar o lacinho de fita com a boca e todos os seus desejos comigo serão realizados!









Só não esqueça de mandar um PRESENTE DE NATAL para a Domadora de Corno!
Quem esquece do meu presente de Natal, passa o ano inteiro seguinte esquecido por mim!
Afinal, eu mereço um bom presente, não? rss





Por fim, neste Natal....


domingo, 19 de dezembro de 2010

FAQ CUCKOLD - Mitos e Verdades

 Tenho notado muita desinformação e preconceitos que as pessoas em geral 
têm sobre o universo CUCKOLD.
Procurei aqui reunir as principais dúvidas. Caso você tenha outras perguntas a fazer, 
escreva no comentário abaixo ou me encaminhe por email.


  • Homem que gosta de ver sua mulher com outro é, pervertido, doente ou complexado?

MITO
O cuckold é um fetiche como qualquer outro fetiche, em que o homem se excita muito ao ver ou saber que sua mulher transou com outro.
(veja mais sobre isso em O fetiche do CUCKOLD - Uma fantasia a 3 )
Não há nisso nada de perversão, doença ou complexo. A grande maioria dos homens se excita só em imaginarem sua mulher com outro, mas isso em geral é reprimido por eles.
Há porém aqueles que têm isso bem mais aflorado e dão vazão à prática cuckold.

  • O corno é voyeur? Ele só assiste e não participa?

MITO
O voyeurismo é outro fetiche diferente do cuckold. O voyeur têm excitação sexual ao ver qualquer pessoa se despindo ou transando. Já o prazer do cuckold está em ver a sua mulher com outro.
Muito embora o cuckold tenha um pouco do voyeur por gostar de ver sua mulher durante a transa, o seu fetiche é bem mais amplo e envolve diversos outros elementos de prazer.
Engana-se quem pensa que o corno apenas assiste. Ele também transa com a mulher dele, seja antes, durante ou depois do outro macho.
No menage masculino, muitas vezes ele interage na relação sexual, estimulando ainda mais sua mulher com carícias e penetração, enquanto o macho também a estimula.
Via de regra, durante a transa o corno obedece o que a mulher manda na hora. E é ela quem vai decidir se naquele encontro ela irá sozinha ou se ele poderá ir junto. Se ele estiver presente, ela pode barrar a qualquer instante as iniciativas dele e dar as ordens para ele só assistir, sair do local, ou fazer o que ela tiver vontade.
Cada variação dessas é curtida com muito prazer para os três, em principal pelo corno.
Quanto mais a mulher de corno se impuser, quanto mais forte ela for nos seus comandos, maior é o tesão que ele sente. O prazer do corno está nessa submissão à sua dona, em ter que controlar os impulsos do seu desejo de agir, ou em ter que se submeter a fazer coisas que normalmente ele não faria, mas faz porque ela deu a ordem.
Além disso, o prazer do corno está intimamente ligado à satisfação sexual e prazer que ela sente.

  • O corno quer a mulher com outro homem na cama para comê-lo também?

MITO
Esse é um dos maiores enganos do senso comum em relação ao corno. As pessoas em geral acham que ele quer ter outro homem na cama para satisfação dele. Errado.
Para o cuckold autêntico, a sua satisfação está ligada ao prazer da sua mulher e a maioria os cornos é 100% heterossexual. 
Muito embora haja cornos bissexuais que gostem de interagir com o macho da mulher, são a exceção. Os cornos bissexuais se excitam tanto com o prazer sexual da mulher, quanto com prazer dele com o macho.
Já os cornos gays, não são cuckolds. Eles forjam uma situação cuckold porque, na realidade, estão na busca da sua satisfação homossexual e não da satisfação de sua mulher.
Nada contra a opção sexual de cada um. E cada casal deve buscar sua satisfação conforme seus desejos e vontades.
Estou aqui apenas definindo o que é uma relação cuckold e o que não é.
É sempre bom, antes de um menage,  o casal e o macho conversarem francamente e deixarem claro o que é bom para os três.

  • O corno não dá no coro?

MITO.
O corno é um homem normal, como qualquer outro. Tão viril quanto os machos comedores de esposas. Ele não busca a relação cuckold porque ele não consegue satisfazer a mulher.
O corno busca ampliar os prazeres de sua mulher; ele quer que ela atinja níveis de tesão e orgasmo cada vez maiores. Afinal, quanto maior é o prazer dela, mais tesão ele sente.

  • O corno gosta de ser humilhado?
VERDADE.
Assim como o corno tem um pouco de voyeur, ele também tem um pouco de sadomasoquismo, embora não se possa confundí-lo com nenhum dos dois.  O corno típico sobe seu tesão nas alturas quando a mulher ou o fodedor menospreza o pau dele, ou lhe diz coisas humilhantes, por exemplo: "olha o que estou fazendo e aprende como se fode essa tua mulher", "você só podia ser corno mesmo com essa mulher gostosa e safada", "tou gozando no pau do macho", "sai fora que eu vou me deliciar nesse macho", etc.

  • O corno tem pau pequeno?

MITO.
O corno é um homem comum. Há cornos com pintos de todos os tamanhos.
O que acontece é que: como o prazer do corno está ligado ao prazer que a mulher sente, na cabeça dele quanto maior for o pau do macho, mais a mulher vai ficar fogosa e safada. Por isso os bem dotados são mais procurados por casais cuckolds.  

  • O corno não ama a mulher, por isso libera ela para outros machos?

MITO.
Não há maior prova de amor de um homem à sua mulher do que a de buscar mil e um meios e formas para que ela tenha mais prazer e satisfação sexual, principalmente quando essa ampliação de prazer implicar em compartilhar sua mulher com outro macho.
O corno típico cerca sua mulher de todos os mimos e cuidados e a costuma tratar como sua dona e lhe cerca de roupas, acessórios, lingeries para que esteja sempre bonita e atraente.
Além disso, o corno autêntico costuma ser muito fiel à sua mulher, o que a maioria dos homens comuns não são.

  • O homem que não gosta de ver a mulher com outro, mas ela o trai sem saber, ele é corno?

MITO.
Aqui neste blog ao falarmos de corno, nos referimos ao homem que tem o fetiche cuckold. Nos casos em que a mulher trai sem que ele saiba, embora se use comumente o termo "corno" para seu marido, não necessariamente ele é um cuckold. 
Se esse marido for cuckold, os dois estão perdendo tempo e muito tesão por não conversarem abertamente sobre isso.

  • Há traição na relação cuckold?

MITO.
Na relação cuckold há consentimento. Mesmo quando ela sai com outro homem sozinha, o casal está desfrutando junto o prazer. Ele curte cada detalhe que ele fica sabendo e até do que ele fica imaginando sobre o que pode ter ou não acontecido.
Traição é fazer pelas costas. Quando há consentimento, não há traição.

  • O corno gosta de lamber a mulher esporrada por outro?

VERDADE.
Muito embora não sejam todos que gostem de lamber sêmem. Porém, todas as coisas que comprovam que a mulher esteve com outro macho são objetos de muita excitação para o cuckold.
Não há nada pior para um corno, que sua mulher tomar banho depois da transa com o macho e chegar em  casa sem cheiro de sexo. 
E nada comprova mais que uma mulher fodeu com outro do que uma buceta toda esporrada.
Por isso, quem se excita muito ao ver uma buceta esporrada, com toda certeza é cuckold. Pode até ser um corno-enrustido, mas com toda certeza é corno.


sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Domadora de Corno é a entrevistada

Meus queridos e tesudos fâs, o blog "O INFINITO PRAZER DE SER CORNO" fez uma entrevista exclusiva com esta Domadora que vos fala.
Dão uma passada por lá quem estiver curioso de saber sobre algumas intimidades minhas, vejam a entrevista e aproveitem para desfrutar daquele blog, escrito pelo Corno Oficial que é show!


Aproveito para agradecer o Corno Oficial, que recebeu uma autorização especial de sua dona e me chamou de "magnífica mulher". 

SIGAM ELE NO TWITTER, VALE À PENA @prazer_corno

CUCKOLD - O que pensam as pessoas sobre isso?

Meus leitores sempre me pedem dicas para convencerem suas mulheres.
Aqui vai mais uma.
É muito bom conhecer os fantasmas que povam a mente das pessoas que vivem fora do universo cuckold, assim você estará mais preparado na hora de falar sobre seu fetiche para alguém.

Dei um rolê por ai, e achei um tópico no Forum da RBS sobre o tema, que reflete bem por onde anda a cabeça das pessoas sobre os cornos.
Vale à pena ler, mas não se irritem (risos).


Faço a seguir um resumo dos papos nesse Forum e comento abaixo.

(veja a íntegra do forum em http://precisofalar.clicrbs.com.br/index.php/Cantinho-Privado/146305-Homens-que-sentem-prazer-em-serem-traidos-Cuckold.html)

O título do tópico discutido lá era: Homens que sentem prazer em serem traídos -Cuckold
A moça "Euqueromais" abriu o tópico assim:
Olá gente!!! Ultimamente me deparei com fantasias mto estranhas pois estou namorando uma pessoa cheia de complexos (o homem do outro post ainda!). Conheci homens que sentem prazer em ver suas namoradas/ noivas / esposas fazendo sexo com outra pessoa, na frente deles. Não é swing, pois o marido não participa e as vezes ainda é maltratado pelo amante. Descobri que é um mundo que se chama "cuckold" na palavra em inglês.Bem, minha pergunta é: já ouviram falar disso? conhecem alguma história sobre o assunto? Topariam?

Deduzo que a garota se deparou pela primeira vez com propostas cuckolds e foi procurar mais informação para conhecer melhor. Achei ótima a atitude dela, é fundamental buscar informação. Porém, ela errou a forma de busca. Dirigiu-se a um fórum de pessoas que nada sabem sobre o universo cuckold e acabou mais desinformada do que antes.
Acho importante ver isso, pois quando você tocar nesse assunto com sua mulher, por certo ela vai conversar a respeito com outras pessoas. E essas pessoas, quer sejam amigos reais ou contatos virtuais, dificilmente conhecem o universo cuckold e vão poluir a cabeça dela com um monte de asneiras. Ai a cabeça dela vira um rebosteio só.

Isso não foi diferente naquele forum, entraram no papo 18 pessoas, homens e mulheres, que me deram até calafrios com a monteira de desinformação que têm sobre o assunto, além da tendência de tomarem por verdade preconceitos próprios e tabus.

Claro, tudo o que não conhecemos nos parece estranho. Mas não é porque nos parece estranho, que vamos então levantar bandeiras rotulando os praticantes, nem os marginalizando. Toda pessoa de bom senso, põe um freio nessas tendências de condenar aquilo que se desconhece. Mas, infelizmente, são poucas pessoas que assim agem. O mais comum mesmo é as pessoas se meterem a opinar sem saber do que falam.

O comentário mais apropriado naquele fórum, foi o da Dama, ela disse:
" Fantasia sexual é que nem peido: a gente só acha normal quando é da gente. kkkkkkk".


O SuperBad pegou o gancho da Dama e acrescentou:
É como a metáfora do peido, que a Dama citou...É algo estranho para o senso comum, e para o que a maioria acha "normal". Mas, o que é normal?
Em algumas culturas (na Ásia ou Oceania), quando um visitante chega, é tradição o marido oferecer a esposa para o visitante passar a noite. Estranho? Loucura? Coisa de complexado?
Não estou querendo usar ESTE exemplo para justificar o assunto do tópico, e sim para mostrar como o certo e errado, normal e estranho, estão na cabeça de cada um.
Mesmo o pessoal que achou isso o cúmulo (loucura, ridículo, etc), com certeza deve ter alguma fantasia (secreta), que pra maioria soa estranho. Hehehe...Abraços!

Tirando essas duas exceções que eu colei acima, nas 4 páginas que o papo rendeu, as respostas giravam em torno de: homens que querem ver suas mulheres com outro não as amam; que isso é coisa de loucos pervertidos; que são homens cheios de complexos; que não dão no couro e não conseguem satisfazer uma mulher; que vêem a mulher apenas como objeto de seu prazer, etc, etc.

Por ai você vê como vai ficar a cabeça da sua mulher, quando ela for buscar informação em lugar errado.

Foi por pegar papos como esses, não só na internet, como também ouvindo em rodas de amigos, é que decidi fazer um blog sobre cuckold e minimizar a carência de informações e o excesso de preconceitos descabidos que se tem por ai.

Por isso peço que divulguem meu blog e também os outros blogs que tratam desse tema. É fundamental o público em geral ao menos conhecer que o o cuckold vivencia um fetiche muito prazeroso, e antes de tudo é uma das melhores provas de amor que um homem dedica à sua mulher. Muito ao contrário de fazer dela um objeto, o corno trata sua mulher como uma rainha e se dedica à ela como pouquíssimos homens são capazes de fazer.

As mulheres é que estão acostumadas a serem maltratadas, traídas pelas costas por seus homens, e o pior é que acham isso normal e socialmente aceitável (!!!).

Penso que a mentalidade feminina precisa mudar urgente. E deixarem as mulheres de se comportarem como OBJETOS, para se tornarem FONTE de prazer para seu homem. E nada melhor que um verdadeiro corno, para proporcionar esse novo estilo de vida para uma mulher.

Eu já disse e repito: O corno é definitivamente o modelo de homem do século XXI.
Ele chega quebrando paradigmas sociais, gerando polêmicas, invertendo a posição da mulher (na cama, na sociedade, na família, e em todos os espaços), tirando-a da posição de submissa e levando-a à posição de dominadora/dominante/líder, ele quebra estruturas seculares machistas em que vivemos por milênios com uma força de Plutão em conjunção com Urano e Júpiter. Sem dúvida o velho mundo machista está ficando para atrás  e ruiu, e é o corno, com seus chifres, que o está quebrando. Por isso eu amo todos os cornos, e por isso eu adoro lustrar seus chifres no caldo do prazer de minha buceta de fêmea.

No próximo post vou tratar com mais detalhes sobre o que é mito e o que é verdade sobre os cornos. Não percam.

Beijos picantes e molhados
da sua e sempre DOMADORA.

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Cornitude, a virtude de ser corno

(Veja a introdução deste artigo no post "Amplie os limites de seu prazer sexual!")


Corno é motivo de chacota nas rodas de amigos, alvo de numerosas piadas. Tudo isso feito por quem tem dor-de-cotovelo, ou por cornos enrustidos que morrem de vontade serem cornos e não têm coragem de assumir. Fruto de uma sociedade machista e hipócrita, onde os homens negam seus desejos e as mulheres preferem se submeter ao modelo de "esposa-escrava" para galgar uma imagem social melhor que a das putas.


Quem verdadeiramente conhece o fetiche do CUCKOLD, sabe que a cornitude é uma fonte de prazer imensurável que não é para qualquer um, nem para qualquer mulher que deseja ser mulher de corno.

Como já abordei no post "Amplie os limites de seu prazer sexual", conhecer a si mesmo, seu corpo e seus desejos até os mais inconscientes e ocultos, é o primeiro degrau para uma vida sexual mais plena e orgasmática. 

Essa auto-descoberta requer que você rompa com preconceitos e se permita tatear e investigar seus desejos e tudo que lhe dá um tesão acima do comum. E, no segundo passo, a coragem de realizá-los.

Ao descobrir que você tem um fetiche, sinta-se um felizardo, premiado pelos céus quando nasceu! Pois não é qualquer pessoa que  tem um fetiche.

O fetiche é capaz de levá-lo a altos níveis de tesão em segundos. Não é algo programado ou que se faça de modo intencional, ele ativa uma resposta automática de seu inconsciente e todo teu corpo fica em alerta sexual: O pau endurece na hora ou te molha a buceta de imediato, as papilas gustativas ficam acesas, um brilho nos olhos é ativado, até a saliva aumenta na sua boca, apura o olfato e tudo se converte em muito tesão que começa a crescer sem seu controle, diante do objeto de seu desejo.

Friso: tudo isso acontece praticamente em segundos e é só o começo; o fetiche lhe eleva a altos níveis de tesão que comumente você não atinge.

A cornitude é também um fetiche e, antes de tudo, é a deliciosa virtude de ser corno. Por mais estranho que isso possa parecer para as pessoas comuns, especialmente diante de nosso meio social tão repressivo, preconceituoso e hipócrita, na fantasia do CUCKOLD com três personagens, quem sente o maior prazer de todos os três é, sem dúvida, o corno.

Não há marido melhor do que o corno. Ele trata sua mulher como sua rainha e fonte de todo seu prazer. Ele a quer sempre linda e vestida de modo provocante a tirar olhares dos machos por onde passa. Ele escolhe suas roupas, decotes, lingeries, sapatos sempre com o olhar clínico masculino e não poupa dinheiro e esforços para que ela fique cada vez mais tesuda e gostosa. E cada peça que o corno escolhe na vitrine, ele sente um tesão imenso e, desde as compras, ele já está curtindo e estimulando seu prazer sexual.

A mulher de corno não faz o papel típico das esposas, aquelas que depois de poucos anos de casamento vivem estressadas, com cabelo cheirando a fritura, unhas quebradas, roupas desleixadas e vida atolada na rotina. Definitivamente não. O corno lhe poupa dos estresses diários, e trata sua mulher como uma fêmea no cio, e lhe proporciona o prolongamento do seu viço de juventude, para que esteja sempre pronta a seduzir os machos a seu redor.

O corno é o homem que venceu todas as deploráveis imposições de  nossa sociedade: o machismo; o sentimento de possessão e dominação da mulher, que a torna inferior e serviçal do marido; os tabus que forçam duas categorias de mulher, ou são "esposas" ou são  "putas", enquanto o machista usa cada uma das duas quando quer e lhe convém; esse modelo de mulher que não tem escolha própria e nem direito à prazer sexual, não passando de uma bolsa de depósito de esperma, além de braço para as tarefas domésticas.

Felizmente nosso mundo está mudando. E o corno é definitivamente o modelo de homem do século XXI.

Por tudo isso é que sempre defino a cornitude como uma virtude. 

Afinal, para ser corno é preciso um ato de muita coragem! De muita força e testosterona. Para ser corno, precisa ser muito macho!

Você, mulher, que agora me lê, se o teu homem lhe diz que quer ser teu corno, não estranhe, não repudie, e jamais lhe negue isso. Comemore muito! Pois você foi premiada com uma sorte grande! Ter um marido cuckold é o paraíso sonhado pelas mulheres por muitos séculos e séculos de nossa história.

E o melhor de tudo é que esse prêmio vem regado com muito e muito, muito mesmo, PRAZER! Além de uma satisfação e realização plena da mulher na cama e na vida fora da cama. 
Então, trate seu corno como uma jóia rara, e claro, lustre sempre os seus chifres com um espesso líquido de buceta fodida por outros machos, garanto que ele vai lamber com tesão cada gota que pingar dos chifres dele.

Para vocês conhecerem mais de perto como o corno se delicia e se contorce de prazer na realização de seu fetiche, recomendo que acompanhem também o blog "Minha Mulher e eles" que é escrito por um corno de alto estilo que, sem dúvida, é um mestre de cornitude! 

Este artigo não termina aqui. Tenho muito mais a dizer sobre isso nos próximos posts.

Veja a introdução deste artigo no post "Amplie os limites de seu prazer sexual!"

Veja também artigos relacionados a este: 




quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Amplie os limites de seu prazer sexual!

Conhecer a si mesmo é o primeiro passo para ter mais prazer sexual em sua vida.
Conhecer o próprio corpo, as zonas mais erógenas e que mais te excitam, sem dúvida é importante, mas não é tudo.
Para explorar todo seu potencial de prazer, Você precisa ir além: precisa conhecer seus próprios segredos de desejos ocultos, tudo aquilo que é capaz de excitar você e levá-lo a altos níveis de tesão.

Isso pode parecer simples, mas está longe de ser. Ocorre que temos comumente muitas travas psicológicas que nos aprisionam e fazem com que nos reprimamos tanto, sem nos darmos conta disso. 


Nossos maiores desejos ficam no inconsciente de nossa mente, e cada vez que eles vêm à tona, ou não damos atenção a eles e pensamos que foi algo "ocasional", ou então os reprimimos fortemente, quer por formação religiosa, quer por vergonha do meio social em que vivemos, quer porque nosso companheiro ou companheira não aceitaria, e até mesmo por vergonha de nós mesmos e acabamos por  não aceitar que temos desejos tão bizarros como esses.


Resultado prático disso: você deixou de conhecer a si mesmo e reduziu em mais de 90% o potencial de prazer sexual que você poderia estar desfrutando.

O ser humano tem um potencial de prazer sexual praticamente ilimitado. Somos uma verdadeira máquina altamente sofisticada de prazer. Muito embora seja complexo e sofisticado o nosso corpo, a fonte que anima o corpo, que é a nossa mente, é uma fonte inesgotável de prazer, tesão e excitação. 


Então, quando você supor que já experimentou de tudo e já chegou ao máximo de seu limite de prazer, estará muito enganado.

Há sempre mais a curtir e experienciar. 






Ampliar os seus limites de prazer, é uma tarefa que requer dedicação sua de anos, descobrindo-se e se redescobrindo a cada dia. 


Não é só a mente, mas também o corpo aprende, e o tesão aprende. Porém, é a mente que rege tudo, e ela precisa estar limpa, livre de lixos, e permitir essa aprendizagem.

O primeiro passo nessa tarefa é abolir de vez qualquer tipo de preconceito. E dê um presente a si mesmo: PERMITA-SE sentir, curtir e a se entregar por completo ao seu prazer.


Não raro, muitos homens vão para a cama com uma mulher, e lá ficam só pensando no que vão contar na roda de amigos depois da transa. Acabam perdendo o foco, a concentração e o desfrute do momento. Em suma, esses homens na verdade transam com seus amigos de boteco e não com uma mulher.

Noutros casos, mais comuns em mulheres, vão para cama e ficam pensando "o que vão pensar de mim se eu fizer isso que estou com vontade?". Esquecem de dois detalhes importantes: a pessoa que está com você, estará também participando, então, se ela quiser "falar mal" terá que maldizer a si própria também; e as "outras pessoas", que não estão ali, não tem como saber, é você quem as está colocando INDEVIDAMENTE dentro das quatro paredes do seu sexo. Friso: INDEVIDAMENTE. Essas "outras pessoas" só existem dentro da sua cabeça.

Ambos os exemplos citados, são comportamentos que carregamos da adolescência e não faz sentido nenhum os mantermos na vida adulta.

Para se ter um sexo de boa qualidade, é preciso um amadurecimento sexual. E para tanto, o primeiro passo é ter bem claro na sua cabeça que você faz sexo para SEU PRAZER E DESFRUTE PRÓPRIO e PRAZER E DESFRUTE DE QUEM ESTÁ COM VOCÊ NAQUELE MOMENTO. É isso, só isso e ponto final.
As "outras pessoas" não existem e jamais devem existir no momento de sua cama, muito menos depois de sua transa.

Se você gosta que o mundo inteiro saiba de suas intimidades, pratique exibicionismo, faça sexo em lugares públicos ou na frente dos amigos. E faça isso com parceiros(as) que também curtam a exposição. Pode até ser que você tenha o fetiche de exibicionismo adormecido em algum lugar oculto seu, e por isso sente a necessidade de dar satisfação a todos sobre o que acontece na sua cama. Mas se não for esse o seu caso, você é mesmo um adolescente sexual e precisa amadurecer antes de pensar em ter mais prazer na cama.

Se você vai para a cama pensando na hora limite do motel, ou então fica pensando nos compromissos que terá mais tarde, fazendo contas financeiras, pensando nos filhos que precisa ir buscar na escola, no trabalho pendente, ou qualquer outra coisa que não seja aquele momento, como você quer ter prazer????!!!

Ora, só vá para cama quando você tenha uma boa faixa de tempo livre. E deixe que o momento diga por si qual o tempo de começar e o tempo de acabar. Não queira colocar regras, estabelecer horários, estabelecer um roteiro do que fazer e de sequências de atos, você não é cineasta, nessa hora você é um fodedor ou uma fêmea!
Nessa hora você não é pai, não é mãe, não é filho, não é empregado ou patrão, não é rico nem pobre, não é feio nem bonito, você é SÓ UM FODEDOR OU UMA FÊMEA!


TOME UMA ATITUDE: EXPULSE DE SUA CAMA TODAS AS PESSOAS QUE NÃO ESTÃO NAQUELE QUARTO! EXPULSE TODOS OS PAPÉIS QUE VOCÊ DESEMPENHA FORA DA CAMA NA VIDA SOCIO-FAMILIAR! EXPULSE TODOS OS PROBLEMAS QUE VOCÊ ESTEJA ENFRENTANDO NAQUELES DIAS!


Faça uma faxina na sua cabeça antes de ir para a cama. E quando fechar a porta, deixe TUDO do lado de fora. TUDO MESMO. Você merece um momento só seu e de seu(ua) parceiro(a).

Somente após ultrapassada essa primeira etapa importante, é que você vai começar a ter uma verdadeira relação sexual. E, apartir dai é que poderá começar a conhecer a si próprio, deixar fluir seus desejos ocultos, conhecer seu(ua) parceiro(a) e passar a descobrir novas sensações e formas de prazer.

Costumo dizer sempre que sexo é bom quando você começa a pirar. Essa piração começa no ponto em que eu consigo me desligar de tudo do mundo, tudo mesmo, não vejo nada, não ouço nada, consigo ser apenas um puro instinto que me leva a fazer o que nem imaginava antes, mas naquele momento, foi meu corpo e meu desejo que buscaram sozinhos.

Sexo é uma entrega total ao prazer, mas para tanto você precisa se permitir. Refiro-me àquela entrega em que você nota que sua mente objetiva parou por completo, não raciocina mais, e você consegue anulá-la por completo. Só desse ponto de alto tesão em diante é que eu digo que estou fazendo sexo. É um ponto de transcendência.

Se você nunca atingiu na cama esse ponto de transcendência, então você é tecnicamente virgem ainda, ou melhor dizendo, um mero prendiz sexual. Há muito mais além. O verdadeiro sexo somente começa após você atingir esse ponto de transcendência.
O que costumeiramente ocorre, especialmente com homens, é que ejaculam quando estão chegando próximo a esse ponto. Então têm uma queda brusca de energia e não mais conseguem ir além.
Para as mulheres é mais fácil atingir esse ponto, pois sua fisiologia favorece. Porém, as mulheres são em geral muito mais reprimidas do que os homens, têm muito mais travas sexuais e cobranças sociais. 

E enquanto não se liberarem de todo esse lixo que as amarram, não vão conseguir atingir esse ponto de transcendência do qual falo.

O que acontece após o ponto de transcendência? Há formas e meios de se elevar os níveis de tesão? Como faço para melhor conhecer meu corpo e meus desejos ocultos? Essas e outras perguntas vou deixar para responder em futuros posts.
Você leitor coloque também seus comentários e dúvidas abaixo, assim nos próximos posts eu abordo sobre eles também.

Por ora, deixo-lhes para pensarem: há algo além, onde começa o verdadeiro sexo, a que chamo de "ponto de transcendência", onde sua mente objetiva se desliga por completo de tudo ao redor e de tudo do mundo e você passa a ser pura energia de instinto, tesão e prazer ampliado. Esse ponto é só o começo.
E, para atingí-lo, você precisa ter antes uma atitude forte e firme consigo mesmo, expulsando todo o lixo que polui sua mente, toda herança cultural e repressora, todos os problemas e todas as pessoas que não fazem parte daquele momento seu e único de sua cama.

A vida é para ser muito bem vivida. E prazer é para ser curtido até os níveis máximos que você tiver potencial para atingir!
Amplie os seus níveis de prazer e tenha uma vida mais plena e feliz!

Muito Tesão para todos vocês!

Domadora de Corno

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Fantasia de corno em alta combustão!

Parece que posto de gasolina anda bombando no rancking das fantasias da galera!
Márcio Guedes(@marciobguedes7 ) aprontou mais uma deliciosa arte e nos conta abaixo.
Depois dessa quente aprontação, até a gasolina incendiou os miolos do gerente e vejam como ele passou a anunciar as promoções:


(O posto de gasolina da história abaixo, não é o mesmo dessa foto)


Bom dia linda, adorei o post no site, ficou muito bom mesmo, as fotos...adorei mesmo, será que um dia vou poder ser seu corno?

Bom esse sabado sai novamente com a Deby, tínhamos de trocar o óleo do carro, lavar essas coisas, só que não imaginava que ela iria me cornear novamente na minha frente...

Fomos um um posto Shel, perto de casa, e eu sei que o gerentão é um meninao forte, deve ser filho ou parente do dono do posto, Enfim...Ela ja se vestiu imaginado o que ia aprontar, ela colocou uma calca saruel cor de rosa e uma tanguinha preta que so aparecia na parte da frente, pois a lateral a parte de tras eram apenas uns fiozinhos e nada mais....uma blusinha branca bem justinha, sem soutien, o que deixa marcar bem os biquinhos dos peitos, e uma sandália rasteirinha tipo gladiador. Como era sabado eu sai de bermuda bem folgada e uma camiseta hering, e um tenis, nada demais....

No posto eles usam um uniforme tipo macacão e mais nada, sem camisa....
Logo que chegamos percebi a intenção dela e fiquei na minha, ela foi falar com o atendente que nao tirava os olhos dela, ela falou que iriramos lavar o carro e trocar o oleo, o atendente pediu para falar com o tal gerente, e de pronto ele veio conversar com ela....eu fiquei no carro olhando os dois. Ele sugerui primeiro trocar o oleo e depois lavar ( he he he he ) e foi iso que aconteceu, dirigi o carro ate a rampa e ela foi andando com o gerente que iria fazer o serviço, ela foi rebolando na frente dele como uma puta e ficou me esperando entrar com o carro na rampa...eu coloquei o carro na rampa e o cara pediu para eu abrir o capo e freiar o carro...eu fiz isso e uns 30 segundo depois percebi o carro subindo e eu preso dentro dele...a safada ficou de fora com o cara, nem preciso contar que meu pau ficou duro na hora, e comecei a escutar a conversa dos dois, ele perguntou se eu era o marido e ela falou que eu era um amigo mas que era viado que nao queria nada com ela, ela falou que estava um pouco necessitada e precisava de um alivio ! e eu escutando e tentando enxergar la de cima, ouvia os barulhos do cara mexendo nas coisas do carro e as risadas de conversas dos dois la em baixo...ele desceu o carro depois de uns minutos e percebi os dois bem mais próximos, 
mas ela depois me contou que ate aquela hora nao tinha rolado nada, comigo dentro do carro ainda ele pediu para esperar pois iria colocar o oleo, e ela na frente dele e ele ia encoxando ela e explicando cada coisa que iria fazer, tipo, troca o filtro, poe o oleo, aperta aqui...e ela la rebolando na lateral do carro e e o cara com a parte de cima do macacão aberta e encoxando forte a vagabunda! 

Depois que ele terminou, ele pediu para eu ir no lava rápido que ele iria "acertar" a conta com ela, eu fiquei lá lavando o carro e nos 20 minutos que demorou so vi quando ela entrou em uma salinha. Depois do carro lavado e arrumado, ela foi me encontrar e pediu para eu nem levantar do carro, ela entrou e me beijou com muito cheiro de esperma, na boca, um gosto forte de porra, ficou la me lambuzando na frente do cara! Beijei muito ela, tipo lambendo a boca toda e chupando aquele gostinho maravilhoso! Ela me disse que um outro dia eu iria voltar com ela e chupar o pau dele junto com ela ! Sei que depois em casa, quando ela se levantou ainda tinha um molhadinho de porra no banco da frente, onde ela estava sentada e quando ela se levantou para sair do carro percebi que estava tudo molhadinho ainda de porra, mesmo a calca soltinah tinha acumulado bastante sobra da metida dela como gerente. Ela ate hoje nao me contou o que eles fizeram la dentro.....

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Cornitude com sotaque português

Quem pensa que cornitude é  coisa só de brasileiros, se engana.
Os portugueses adoram ser cornos.
Veja esse vídeo de um programa de rádio lusitano "Laboratolarilolela - O Corno", em que apresentam e comentam cada trecho de uma canção, eleita por eles como "uma canção definitiva sobre o corno". Comenta o radialista que "todas as canções de tom romântico tem um certo elemento de dor de corno", mas essa seria a melhor de todas, segundo ele.
Reparem o prazer com que o radialista português fala sobre o corno, parece até salivar de tesão ao comentar a cornitude.
Como se vê, todo mundo se ri dos cornos, e é visível que se ri de si mesmo, afinal o desejo da cornitude está bombando no peito, mas no meio social falam com um certo ar  de piada sobre os próprios desejos ocultos.
Aprendi com os portugueses que há outros tipos de cornos além dos "Tipos de Corno" que já publiquei noutro post, como diz na canção: "corno sensível", "corno imprevisível", e "o corno responsável", adorei! Fico aguardando com vocês a definição deles.

Se você é um corno romântico, dedique essa canção à sua mulher.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Sábado do comedor

Essa história quem nos conta é Márcio Guedes, leitor deste blog, um cuckold que sabe muito bem como levar seu prazer às alturas.
Os fodedores pensam que levam a melhor. Mas, nesse fetiche a três do cuckold, ninguém atinge os altos níveis de tesão que o corno consegue quando realiza sua fantasia. Só quem já experimentou a doce delícia de ser corno é que sabe que não estou exagerando em nada.
Fica ai a dica aos cornos-enrustidos. Libertem suas amarras e sintam o prazer indescritível ao ver seus chifrinhos crescendo!



Sábado do Comedor
Autor Márcio Guedes (sigam-o no twitter @marciobguedes7)


Sai com a minha namorida, a Deby para passear no Shopping aqui em Sao Paulo, ela adora ir ver as vitrines, tomar um café e mais do que isso ela adora se exibir. Fui busca-lá, antes do almoço e quando ela desceu no prédio já percebi que a tarde iria ser maravilhosa, ela estava usando um vestidinho de florzinha azul na altura do meio da coxa, uma sandália de corda combinando com o vestido e mais NADA, o decote comportado, mas sem soutien e nada de calcinha.No carro ela me avisou que iria encontrar um rapaz no shopping mesmo e que nós deveríamos almoçar rápido para ela sair com ele, eu iria acompanhar tudo ! No Shopping ela ja chamou a atenção de muita gente, rebolando bastante e deixando os seios marcar bem o vestido, foi facil perceber um monte de homens olhando para as coxas o decote a bunda, enfim olhando para a minha namorada! eu passei o tempo todo de pau duro e no almoço ela ficou mais provocante mesmo. 
Sentamos nas mesinhas da praça de alimentação e ela deixou o vestido subir bem nas coxas, de vez em quando ela descruza as pernas bem devagar e colocando a buc**** a vista pela lateral da mesa. Foi maravilhoso ver um monte de macho querendo olhar um pouco da safada. Ainda sentado na mesa do almoço o celular da Deby tocou e o amigo já estava a procura dela no shopping, ela apenas indicou o lugar e ele chegou em seguida. Sergio é um cara fortão, praticante de artes marciais, com o peito e a barriga bem definidos...ele estava usando uma calça jeans, camiseta branca colada e um tênis. Ela me apresentou e na minha frente mesmo ja deu um selinho nele com um sorriso me olhando. conversamos uns 5 minutos e levantamos para o melhor que iria acontecer naquela tarde. No carro dele a Deby ja foi entrando no banco de trás e eu fui com o Sergio na frente. Ela se sentou toda arreganhada, deixando as pernas bem abertas, e um pe entre os dois bancos. Sergio arrumou o espelho para ficar secando a minha safada. 
Claro que fomos direto par ao motel e ela pediu para que eu apenas observasse ele metendo nela. Os dois entraram no quarto do motel e ficaram pelados na minha frente se beijando, ela ficou de jolehos na frente dele e chupando o pau duro dele falou para eu ficar pelado e me sentar na poltorna, eu obedeci e fiquei olhando ele meter na minha namorada pelo menos uns 40 minutos...ele comeu ela na posicao papai-mamae e gozou dentro da buceta dela, depois de uns minutos se beijando ele ja estava com o pau duro novamente e ela pediu para comer alde 4, ela se virou de bunda para mim e ficava me mostrando a bunda toda arreganahada a buceta escorrendo ainda a porra dele....ele colocou uma camisinha e por cima dela enterrou a pica no cu dela que gemia e berrava como uma cadela...ele gozou dentro do rabo dela e ela pediu para ele tirar o pau de la, ams sem tirar a camisinha, coisa que eu faria assim que ele saisse...ele saiu e deixou a camisinha cheia de porra enfiada no cu. ele se levantou par atomar banho e ela ordenou que eu retirasse a camisinha mas que nao derramasse nada de dentro dela...para nao deixar cair nada eu fiquei la puxando bem devagar a camisinha cheia de esperma dele, depois que tirei com cuidado, ela pediu para ir tomar banho comigo, pois iria lava-lá. entrei no chuveiro e ensaboei ela toda, passei xampu, mas a melhor parte foi quando ela virou de costas e pediu para eu fazer a higiene intima dela..
E eu fiquei chuchando o a bucetinha dela com os dedos e tirando o restinho de esperma dele ainda da sua bucetinha, da primeira gozada....ela so me deixou bater uma punheta depois de seca e os dois abracados na cama, eu fui no banheiro de porta aberta e ela na cama fazendo uma chupeta nele falava com o pau dentro da boca....ela mandou eu gozar na privada e dar a descarga pois nao queria ver nada da minha porra...ele gozou na boca dela..eu na privada e ela depois de engulir mandou que eu fosse beija lá assim mesmo. Eu obedeci e no pe da cama eu me ajoelhei, ela se sentou na cama e eu pude sentir ainda o restinho do sabro de porra misturado na boca dela, com aquele cheiro maravilhoso ela segurou no meu pau e me punhetou novamente para poder gozar mais um pouco na mao dela, ela antao passou a mao melada na minha cara e falou que iriamos embora.







terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Corno paga cachê e motel pro Ricardão conquistar a mulher

Você que está com a testa toda enrugada, de tanto que já fundiu a cuca pensando em como convencer sua mulher a lhe meter chifres, veja a história desse Corno_Goiano que foi mais esperto e até o motel pagou pro Ricardão, mas exigiu nota fiscal. 

A mulher até hoje não sabe que o garanhão foi contratado pelo marido, mas a safada muito bem usou e abusou daqueles 21cm.

O hilário foi quando o comedor foi receber a grana do corno. (veja abaixo)

Achei tão inusitada a história que o Corno_Goiano, leitor deste blog me enviou por email,  que fui checar se era mesmo verdadeira e pegar mais detalhes com o garanhão pelo msn (acrescento o papo do msn abaixo).

Quem começa a nos contar essa história é o Corno_Goiano, e finaliza com a versão do comedor de Goiânia, Luky21cm, solteiro, 26 anos.

Corno_Goiano, 43 anos, casado, Goiânia/GO:

Olá Domadora,

Seu blog está nos meus "favoritos" tenho acompanhado todos os dias e estou gostando muito. Você fala muito sobre os maridos que querem que a mulher traia, e ela não aceita. Eu arrumei um jeito muito bom pra me divertir sem ela saber, se quiser colocar minha história lá, pode, mas não divulgue meu email.

Minha mulher é do tipo santinha, toda certinha daquelas que só vive pra casa e pros filhos. De vez em quando ela coloca uma roupa mais ousada, mas só fica nisso. E eu, já há anos morrendo de vontade de ser corno, saio com casais, fodo a mulher dos outros mas não posso nem pensar em contar pra minha esposa que também quero ser corno.

Eu a incentivei a fazer natação na academia e fui lá algumas vezes buscar ela pra sondar o local. Numa dessas vezes, o rapaz que ficava na recepção saiu de perto e deixou o msn dele ligado, fui lá ver, percebi que só tinha putaria lá, memorizei o endereço dele, depois eu o adicionei no msn e comecei a trocar ideia com ele, sem que ele soubesse quem eu era.
Pedi pra ele convencer a minha esposa a me trair com ele, ofereci uma grana mais despesas de motel, mas ele tinha que trazer a nota fiscal e me contar todos os detalhes, e ninguém poderia saber de nada, muito menos ela.
O cara desconfiou no começo, achou muito estranha a história, mas acabou topando e me garantiu que iria gozar dentro e não deixaria minha mulher tomar banho no motel antes de sair de lá.
Não deu 2 semanas e não é que o cara conseguiu marcar motel com minha mulher! Fiquei puto de raiva! Pensava que ele não ia conseguir convencê-la, e assim tão rápido ela resolveu dar pra ele?!! Mas o tesão subiu e fiquei ao mesmo tempo de pau duro quando ele me contou que tinha marcado um encontro com ela.
A safada foi e eu curti muito bem meus chifres e o tesão delicioso que só um corno sabe o que é!
Só fiquei puto com o cara porque ele deixou minha esposa tomar banho no motel, e eu não queria mais pagar por causa disso. Deu uma confusão na hora de pagar, pedi desconto e ele não queria dar. Mas tudo bem, corno que é corno paga feliz.

Agora a versão do Luky21cm, o comedor de esposas, no msn comigo:

Luky21cm disse: 
Pow entrou um maluco no meu msn querendo que eu fodesse a mulher dele... achei estranho aquela parada e tb pq só tenho mulher naquele msn e so 3 amigos q saimos junto pras baladas.
o corno me ajudou conquistar ela e ainda pagou o motel para eu comer ela, mas ela nao soube de nada.

Domadora disse:
Essa história é verdade mesmo?

Luky21cm disse:
Aconteceu mesmo huiahiahiuahaiuha

Domadora disse:
E o corno foi junto pro motel com vocês?

Luky21cm disse:
Não. Ela nao soube de nada
ela pensava que tava traindo ele
depois fui receber dele... levei a nota do motel para ele

Domadora disse:
Nota fiscal do motel pro corno pagar!!!?? kkkk Que hilário! Corno sim, sonegador não! kkkk


Luky21cm disse:
Hilário foi eu levar um amigo junto.

Domadora disse:
seu amigo foi junto receber a grana ou para o motel com ela?

Luky21cm disse:
meu amigo foi junto só receber. Encontrei o corno numa lanchonete conforme combinado, mas ele nao sabia do meu amigo, nem meu amigo sabia o q ia acontecer.
Vc precisava ver a cara deles. O marido e o amigo com cara de espanto. rss
Eu fiquei na minha, cheguei la e disse pro corno "vim receber a conta, ja comi sua esposa". Meu amigo deu um pulo da cadeira huiahiahiua

Domadora disse: 
E o corno como ficou?

Luky21cm disse:
meio sem graça, mas depois relaxou. falei para ele "relaxa... meu amigo é de esquema e tambem é casado".

Domadora disse:
Qual foi a reação do seu amigo?

Luky21cm disse:
huiahia meu amigo ficou espantado, me disse "vc é maluco, cara? Come a mulher do cara, me mete nessa roubada e ainda traz a nota do motel pro marido pagar?"
Eu só ria, ia fazer o que?
Ai o corno pagou só metade e marcou outra hora pra falar sozinho comigo pra pagar o resto.

Domadora disse:
Você foi encontrar o marido de novo?

Luky21cm disse:
fui sozinho na outra vez. O cara embaçou comigo porque eu tinha deixado a mulher dele tomar banho no motel. è que ele tinha me pedido pra eu gozar dentro da xana dela e não deixar a mulher tomar banho. Muito louco isso!

Domadora disse:
E você o que falou pra ele?

Luky21cm disse:
Eu disse... "não era pra eu convencer ela a te trair e comer ela? Então eu comi e gastei uma grana preta no motel, vc tem que fazer o combinado e me pagar".
Depois o corno começou a reclamar que eu não tinha nada q tomar champagne cara no motel, que isso não tava no combinado.
Ai eu fiquei puto e falei pra ele  bem assim pra intimar o cara, já esperando que ele me desse um soco: "seu corno! Peguei a champagne pra tomar na xana da tua mulher! Você não aprendeu ainda a comer a tua mulher? Deixei ela arrepiada de tesão! Por isso vc é corno!"

Domadora disse:
E ai? Saíram os 2 na porrada?

Luky21cm disse:
que nada! huiahiahiua parece q o marido gostou q eu chamei de corno. ai ele me pediu pra contar tudo o que rolou no motel. Eu pensava que ele ia ficar puto, mas ele pedia pra eu contar mais e mais detalhes...rsrs
Olha... eu nao acreditava neste negocio de corno até comer a mulher do cara... o cara gostou do que ouviu e no final me pagou a conta toda  e pareceu bem contente.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Coisas de um "Cafanalha"

E não param de me provocar! Digam-me: dá pra conseguir concentração para trabalhar em plena segunda-feira com "cafanalhas" desses à solta por ai?!!! O que faço agora com tanto tesão no meio do expediente?!!!

Vejam, meus leitores, este link http://twitpic.com/3dji4l que o @ocafanalha me mandou.


Com o seguinte recado sob a foto: "E não é que @ falou a verdade? "@ se me der uma champagne congelada agora, ela ferve, pq estou nas alturas de tesão agora"

Aguardem-me! Vou por todos na jaula enquanto eu precisar trabalhar um pouco! rsss

Meu Tesão subiu nas alturas em segundos com isso

Estou aqui me perguntando como pode uma simples foto, fazer meu tesão subir nas alturas em fração de segundos?
E respondo: Não foi uma simples foto, foi um fogo de desejo de um vadio me intimando.
Que ousadia essa do @FrasesPicantes me postando isso nesse link http://twitpic.com/3difkr


É isso que você quer? Então me implora de joelhos e de pau duro! A ponta do meu salto e meu chicotinho vão te castigar enquanto você não for bem bomzinho e não me obedecer do jeitinho que eu te quero, tesudo!

Como se vira um corno solteiro e sem mulher?

Não há maior castigo para um corno do que ficar sem mulher. Como fazer pra lustrar a galhada?
Realmente, os chifres não podem ficar sem lustrar diariamente com o nectar da buceta fodida de sua mulher safada, senão causa sérios problemas: os chifres ficam porosos e podem quebrar facilmente.
E tem coisa mais feia do que chifre quebrado? Afff é um horror!

Meus leitores ficam me perguntando: e agora que estou solteiro, como faço para lustrar a minha galhada?
É uma pergunta difícil de responder. Mas tem solução. Você precisa de ter muita criatividade.


Veja a solução encontrada pelo leitor da Domadora de Corno, o  CornoQuerNamorada de São Paulo. Esse corno teve uma noite muito divertida e conseguiu driblar sua solteirice e mesmo assim dar um lustro na galhada. 
Veja como foi (quem conta é ele mesmo)

Ontem fui a alguns bares me recuperar do estresse da semana... depois do bar me empolguei, cheguei em casa e entrei em chat, como vc sabe, sempre quis ser corno, mas nenhuma ex topou, falando com algumas safadas me deu um T danado e pensei, bom, pq não ir a uma boate e pagar por sexo?
Sou contra, mas resolvi ir, qdo entrei e vi as M gostosas, quase nuas pensei comigo, bem q uma delas poderia ser minha namorada, sentei e fiquei esperando, logo uma loirinha veio falar comigo. Conversamos um pouco, comecei a pagar bebidas p ela e no embalo falei q estou procurando uma namorada safadinha, na hr ela falou q é mto safada, perguntei o q ela gosta de usar na praia, ela respondeu que qto menor o bikini melhor, falei q duvidava ela ser safada como dizia e resolvi fazer um teste, perguntei se ela conseguiria provocar outro H, mesmo estando comigo, na hora ela levantou e foi falar com um H, já chegou pegou a mão dele e colocou na bunda dela, olhou p mim com cara safada e disse: assim q vc quer?
Dei risada e falei q assim era simples, aí ela chamou o cara p sentar com nós, enqto ela comentava algumas sacanagens que já havia feito o cara passava a mãos nas coxas dela, ela estava de micro saia e um top, qdo ela viu q eu estava gostando se empolgou e começou a dançar p o cara, bem safada, esfregando a bunda na cara dele e parando no colo, deixando ele puxar ela, fazendo ela sentar no colo dele, ficamos assim alguns minutos, ela dançando e provocando o cara, olhando p mim, as vezes, falando no ouvido: é safadinha assim q vc quer q eu seja? Vc quer uma namoradinha q esfrega a bunda no pau dos outros?
Nisso eu já estava de pau duro... mto duro, ela falando p o cara q era minha namorada, esfregando a bunda no pau do cara enqto eu, sentado,  apenas assistia. Perguntei qto era o programa, ela falou e em seguida puxou o cara p pista e começou a dançar com ele, insinuando, se esfregando e pegando no pau dele, o cara chegava por trás e pegava ela, encoxava com vontade, e assim foi por um bom tempo, até que ela veio e me falou: vc quer uma namoradinha assim pq? Pra ser corno? Falei q sim, ela pegou a bolsa e deixou p eu segurar, afinal, como bom corno eu teria q cuidar do q é dela e voltou a dançar com o cara, mas dessa vez bem mais safada, me chamando de corno, acabei apagando por alguns minutos (resultado do álcool, rs) e qdo acordei ela estava só de lingerie dançando com o cara...

Depois pediu um tempo p ele e me levou até um quarto, perguntou o que eu achava e falou p eu esperar lá, passados alguns minutos ela aparece com o cara q estava dançando e falou q iria dar p ele, qdo fui perguntar ela falou que eu ficaria do lado de fora do quarto, só ouvindo eles transando, como bom corno fiquei, e ouvi ela gemendo, e como gemeu, falava coisas sem sentido, as vezes gritava, pedia mais, falava q o cara tinha um ‘pauzão gostoso’, q queria mais e gritava alto, q eu era corno, q enqto ela estava rebolando num pau gostoso o corno estava na porta ouvindo ela gemer dando p outro (o cara acreditou q ela era minha namorada, rs) e ele falava q ela era gostosa, falava ‘corno, sua M é  gostosa, é uma delicia comer a bucetinha dela, to arrombando sua M corno...  enfim, falou bastante rsrs! Quando eles saíram ela deixou ele ir na frente e falou p mim: é assim q a sua namoradinha tem que ser? Confirmei, falei q sim e ela gostou. Depois paguei o q consumi, incluindo o programa dela (paguei p outro comer) e fui p casa, de certa forma, realizado (rssr). Estou com o fone dela, estou planejando outras noites.. rs

domingo, 5 de dezembro de 2010

Uma noite na casa de swing

Meus leitor@s, querid@s e tesud@s, ontem a casa de swing teve um problema com o wi-fi e não foi possível me conectar como havia prometido,  então sem conexão não pude transmitir o que tava rolando por lá, em tempo real, para vocês pudessem subir  nas alturas de tesão junto comigo. Estou doida da vida com isso, pois detesto prometer e não cumprir. 
Peço desculpas para quem ficou acordado me esperando entrar no ar. Nem vou deletar os posts sobre a promessa de transmissão, assim cada vez que eu entrar aqui lembrarei que estou em dívida com meus leitor@s e assim que possível irei sim transmitir ao vivo de uma casa de swing ou de outra balada quente.

Mas nem tudo está perdido, vou contar a seguir as coisas boas e excitantes desta noite quente e de muito sexo para vocês se deliciarem.

A noite de ontem começou aqui em casa "esquentando os tamborins". Enquanto eu me arrumava para ir na casa de swing, meu corno já acendeu o meu tesão, começou a me bolinar e, não conseguindo esperar, já queria me pegar. Mas não deixei... só permiti umas chupadas gostosas, pra acender o cio e a vontade de dar.
Afinal, nada como ter em casa um bom "Corno de Estilo", que me mantém sempre com o cio aceso e me faz esquecer que o juízo existe, daí então me solto mais e meu tesão começa a subir sem parar. Porém, um bom corno tem sempre que obedecer sua fêmea-rainha, e por mais tesão que esteja, se ela manda ele tem de parar. Se eu estava cheirosa, maquiada e com uma roupa bem provocante, não era para ele. Eu não podia suar, nem amarrotar a roupa. Corno bom é assim, segura para mais tarde o tesão e deixa sua mulher deslumbrante e cheirosa para desfilar na frente de outros machos.

Vesti um espartilho novo, uma micro-saia, e salto 12. Meu corno ajustou o espartilho e puxou meios peitos um pouco mais para cima para me deixar mais gostosa. E enquanto isso, ele me deu umas deliciosas chupadas nos peitos, e acabei indo para a balada com uma marquinha roxa de chupada nos seios.

Chegamos lá por volta de meia-noite e meia e a casa já estava bombando! Lotada. Muita gente bonita. Mas, para minha frustração, cerca de dois terços eram mulheres, testosteronas que é bom estavam faltando. Creio que esse era o esquema da noite, porque mulheres solteiras acompanhando casais não pagavam entrada, e homens solteiros estavam proibidos. Então lotou de mulher e faltou homem! (Que raiva!)

Para quem gosta de ver mulher com mulher, era um paraíso perfeito! A mulherada se pegava pra valer na pista de dança! Beijo na boca, esfrega-esfrega pelo corpo todo, chupa-chupa, rebola-rebola e a música bombando! Um ou outro homem que entrava para participar do esquenta da mulherada, mesmo assim ficava só um pouco e saía.

O palquinho pegou fogo logo. Algumas esposas subiram lá e, dançando num esfrega-esfrega entre mulheres, uma começou a tirar a roupa da outra, com muito beija-beija e chupa-chupa e foi um show de streap muito excitante, que roubou a cena da streap profissional que se apresentou depois.

Ao lado do palquinho tinha um aquário com cascata sobre um laguinho de espuma. A mulherada que já estava suada e bem quente, foi lá se refrescar sem parar de dançar.  A essa altura elas estavam só com calcinha fio dental tomando banho na cascata. E, até que enfim, dois homens se animaram a entrar na cascata para participar da brincadeira, ai tiraram a calcinha delas e rolou no aquário da discoteca sexo bom de se ver!

Quando a coisa tava boa, com todo mundo se empolgando e já se dispondo a esquentar ainda mais a festa, o DJ sem noção pára a música e chama o show da streap profissional, no maior empata-foda! O pior foi que o DJ chamou a streap no microfone e ela demorou mais de 15 minutos  para entrar. O público recuou a empolgação e foi brochando numa reação em cadeia... Só as gurias do aquário é que continuaram, porém só mais uns 5 minutos e foram parando.

Ai então entra para fazer o show a streap profissional Patricia Schneider. Entrou com uma fantasia de "Brasil" muito sem graça,  ao som de "Aquarela do Brasil" e apresentou uma performance mais de dancing do que de sensualidade. Brasileiras profissionais,  me poupem por favor! A mulher brasileira já tem fama de puta no exterior e vocês ainda reforçam isso! Afff que fiasco! E se isso não bastasse, a peruca fez ela parecer com a Cuca do Sítio do Pica-Pau-Amarelo! Ela tem um corpo lindo, sem dúvida! Ficou nuazinha no palco sem pudores. Mas de uma profissional é de se esperar mais no palco.
Vocês que são profissionais e vivem disso, vale à pena investir num coreógrafo e figurinista.

A cena da noite ficou por conta das esposas! Elas sim é que deram um banho de sensualidade, embaixo dágua e fora d'água no palco, despindo-se sem pudores, num lambe-lambe delicioso.
Depois de terminado o show da profissional, o público levou cerca de 40 minutos para voltar a se animar no ponto em que estava quando o DJ fez o "empata-foda" da noite.

A madrugada não terminou por ai. Bombou até mais de seis horas da manhã. Por volta das 2h30min., começaram a subir para as suites, todos de portas abertas para quem quisesse se deliciar com um rala-e-rola sexual bem quente.

Há um ditado que diz "não se leva sanduiche em festa". A noite de ontem me fez ver que esse ditado não é de todo acertivo. Para quem gosta de muita testosterona como eu, recomendo que levem além de seu corno oficial, dois machos de sanduiche para a balada afim de animar mais sua festinha particular. Espero que as casas de swing passem a permitir que os casais também possam levar seus convidados homens.

Afinal, nada mais delicioso para uma mulher de corno, ser recheio de sanduiche numa balada bem quente!
(Essa minha fantasia, fica guardada para outra festa).

Participe do blog

Envie suas fantasias, suas histórias, dúvidas, sugestões e pedidos de aconselhamento. E acompanhe minhas dicas neste blog.
E-mail: domadoradecorno@gmail.com